• Welliton Girotto

Trabalhar na Europa: Países onde é mais fácil encontrar trabalho.

Procurando trabalho no exterior? Você quer morar em uma cidade com melhor qualidade de vida? Aqui está o ranking dos 5 países europeus onde é mais fácil encontrar trabalho, lembrando que para isso precisa estar morando de forma regular no país, com visto que permita o trabalho ou tendo um passaporte europeu.


5 - Londres, Reino Unido.

Londres é o principal destino dos candidatos a emprego no exterior. Cada vez mais jovens são atraídos por esta cidade e pelas muitas oportunidades que ela oferece.


No entanto, é preciso ressaltar que neste país a concorrência é alta e os requisitos exigidos para empregos bem qualificados estão acima da média.


Dito isto, é melhor que aqueles que aspiram a cargos relevantes voltem sua atenção para outro lugar, apesar de que tentar nunca é demais.

Taxa de desemprego: 9,1%


Profissões mais solicitadas: web designer, programador, pizzaiolo, cozinheiro, intérprete, guia turístico, operador de call center, importador, engenheiro, professor.


4- Bruxelas, Bélgica.

Capital da Comunidade Européia, a economia deste país do norte da Europa é uma das melhores do velho continente.


Aqui o nível de qualidade de vida é bastante alto. Entretanto, entre os principais requisitos exigidos para o trabalho está o conhecimento do francês e do inglês.


Taxa de desemprego: 7,6%


Profissões mais solicitadas: psicólogo, arquiteto, médico, engenheiro, analista financeiro.


3 - Munich, Alemanha.

Medalha de bronze para a Alemanha. Esta cidade oferece oportunidades de emprego diferentes e para um italiano, não é tão difícil de se instalar, especialmente graças à grande comunidade italiana presente nesta cidade.


Taxa de desemprego: 2,6%


Profissões mais solicitadas: médico, enfermeiro, assistente social, engenheiro, especialista em TI, mecânico, eletricista, motorista (caminhão e ônibus), cozinheiro e garçom.


2- Viena, Áustria

Este país destaca-se pela qualidade dos serviços e infra-estruturas, pela atenção à saúde e família, poluição do ar e rede de transportes públicos.


Sobretudo pelas excelentes oportunidades de emprego que oferece aos seus residentes.


Taxa de desemprego: 5%


Profissões mais solicitadas: chef, garçom, guia turístico, confeiteiro, sorveteria, engenheiro de biotecnologia, especialista em TI.


1- Zurich, Suíça

Em primeiro lugar, encontramos a Suíça, que oferece as melhores oportunidades para um cidadão italiano à procura de emprego.


Mais de 500.000 residentes suíços são descendentes de italianos. O país tem uma taxa de desemprego muito baixa, apresentando prosperidade econômica como poucos na Europa.


Além disso, graças ao acordo assinado em 1999 entre a Suíça e a União Europeia, os cidadãos de ambas as partes beneficiam do direito à livre circulação entre os respectivos territórios.


Taxa de desemprego: 3,5%


Profissões mais solicitadas: programador, equipe de assistência especializada, carpinteiro, engenheiro civil, mecânico e pedreiro.c


4 visualizações