• Welliton Girotto

Chefs Italianos

Quando se fala de gastronomia é inevitável citar a cozinha italiana, assunto que abordaremos com frequência neste tópico.


Hoje vamos falar de três grandes chefs Italianos da atualidade.


Antonino Cannavacciuolo


www.cheffuoriclasse.it


www.villacrespi.it/it/


Preparar um prato não é apenas cozinhar mas uma forma de expressar carinho para quem se está cozinhando.


Quando se prepara um prato, tentamos fazer sempre o melhor, mas não basta somente paixão, criatividade e curiosidade, é preciso técnica além de ingredientes de qualidade.


Antonino Cannavacciuolo, original de Nápoles, é um dos Chefs mais queridos da Itália e um dos mais respeitados no mundo. Suas receitas e sua técnica tem encantado todos aqueles que tem o privilégio de degusta-los.


Recentemente na Itália foi lançado, por ele, um projeto inovador de curso de alta cozinha a distância para aspirantes a chef e para quem cozinha por hobby e gostaria de evoluir nesta arte.

www.corsicef.it/documenti-cup/


O noto chef italiano preparou 12 livros + 7 dvd + 3 livros da cozinha tradicional italiana e esta tendo muito sucesso com seu projeto.


Além do material didático, para quem pretende seguir nesta próspera carreira profissional, é possível fazer um Master de Ciência e Gestão Alimentar + Curso Prático e no final do curso receber um Diploma de Chef em cozinha italiana.


Alessandro Borghese



















www.alessandroborghese.com


“Cozinhar é um jeito de se comunicar, minha ferramenta criativa. Minha cozinha inventiva e generosa satisfaz com o paladar aqueles que amam coisas refinadas, mas não querem renunciar à tradição. Cozinhar é um ato de amor."


Depois de se formar na American Overseas School, em Roma, ele embarcou por três anos em navios de cruzeiro; Suas experiências culinárias continuam nos restaurantes de São Francisco, Nova York, Londres, Paris, Copenhague, Roma e Milão, onde se baseia "AB Normal", sua empresa de Catering e Consultoria de Alimentos.


Talento e profissionalismo são qualidades constantes na preparação de um banquete para uma recepção feita sob medida, desde a organização, a escolha do local até a criação do menu de acordo com a ocasião.


O Chef Alessandro também apresenta o programa http://www.alessandroborghese.com/ale4ristoranti/ onde quatro restaurantes se confrontam a golpes de receitas, sobremesas e serviços para saber quem é o melhor da categoria. O programa viaja por toda a Itália trazendo a tradição culinária de cada região.

Carlo Cracco


















www.ristorantecracco.it


Carlo Cracco, nascido em Vicenza no ano de 1965. Estudou no Istituto Alberghiero de Gualtiero Marchesi em Milão (1986). Depois de uma série de estágios de Alain Ducasse em Montecarlo e Alain Senderens em Paris, se tornou chef da Enoteca Pinchiorri em Florença (1991), e foi premiado com 3 estrelas Michelin em 1994.


Em 1994, retornou ao Marchesi, no restaurante Albereta. Dois anos mais tarde, abriu seu primeiro restaurante: Le Clivie em Piobesi d'Alba (Cuneo), e foi premiado com 1 estrela Michelin no ano seguinte. Em 2001, o capítulo milanês do Cracco-Peck abre, com 2 estrelas Michelin conquistadas nos 3 anos consecutivos. Em julho de 2007, assume o restaurante por inteiro.


Desde 2013 ele gerencia a linha de cozinha do restaurante Carlo e Camilla em Segheria, Milão, e desde outubro de 2016 a gestão de Ovo, restaurante do hotel Lotte em Moscou, Rússia. Em fevereiro de 2018, a abertura do Cracco in Galleria, um projeto ambicioso na sala de estar de Milão.


O Chef possui um caráter forte mas estranhamente conquistador. Sua trajetória e paixão pelo que faz o levou a ser um dos ícones da cozinha mundial.

7 visualizações